// Estar com Deus: Outubro 2013

quinta-feira, 3 de outubro de 2013

MEDITANDO NA PALAVRA!

Leitura do Evangelho de João 1,19-28

"Este foi o testemunho de João, quando os judeus lhe enviaram de Jerusalém sacerdotes e levitas para lhe perguntarem: Quem és tu? Ele confessou e não negou; confessou: Eu não sou o Cristo. Então, lhe perguntaram: Quem és, pois? És tu Elias? Ele disse: Não sou. És tu o profeta? Respondeu: Não. Disseram-lhe, pois: Declara-nos quem és, para que demos resposta àqueles que nos enviaram; que dizes a respeito de ti mesmo? Então, ele respondeu: Eu sou a voz do que clama no deserto: Endireitai o caminho do Senhor, como disse o profeta Isaías.
Ora, os que haviam sido enviados eram de entre os fariseus. E perguntaram-lhe: Então, por que batizas, se não és o Cristo, nem Elias, nem o profeta? Respondeu-lhes João: Eu batizo com água; mas, no meio de vós, está quem vós não conheceis, o qual vem após mim, do qual não sou digno de desatar-lhe as correias das sandálias. Estas coisas se passaram em Betânia, do outro lado do Jordão, onde João estava batizando."

Comentário.

João desempenha um papel fundamental no plano salvífico de Deus. Ele rejeita qualquer título messiânico, Cristo, Elias ou profeta. João inaugura o batismo, sacramento de iniciação de nossa vida cristã. É o batismo da conversão à prática da Justiça, para o perdão dos pecados. Seu anúncio, a partir do deserto, entra em choque frontal com o Templo de Jerusalém.
Era neste que, segundo a Lei, se purificava os pecados, mediante ofertas preceituadas. Com o seu batismo e seu anuncio, João cumpre sua missão de "endireitar o caminho para o Senhor". Ele deixa a expectativa quando à chegada de alguém que está entre nós e nós não o conhecemos, o qual superará o próprio João.
//